CISTO NO OVÁRIO

Toda a informação sobre cistos (quistos) nos ovários

Cisto no ovário durante a gravidez

Pin It

Para muitas mulheres, engravidar poderá ser um problema devido aos mais diversos fatores. É normal que muitas mulheres grávidas se assustem quando o seu médico lhe informa que têm cisto (quisto) no ovário. Após tanta dificuldade em conseguir engravidar, a última coisa que você quer saber é que tem um cisto ovariano.

Cisto no ovário é comum e normal

cisto no ovário e gravidezAlgumas mulheres vivem incomodadas com cisto no ovário desde a altura em que tiveram o seu primeiro período. Muitas foram observadas por diversos médicos especialistas e apesar disso continuam a sentir uma enorme dor motivada pelos cistos (quistos, em português europeu). Se uma mulher teve o seu primeiro período com 11 anos de idade, existem enormes possibilidades de que ela venha a sofrer de cisto durante seus anos férteis. Muitas mulheres só aprendem a controlar a dor através do uso de pílulas anticoncepcionais ou a prescrição de outros medicamentos.

Em virtude de, na maior parte dos casos, os cistos (quistos) se dissolverem sozinhos, normalmente a intervenção de um médico é desnecessária. Muitas mulheres só descobrem que têm cisto no ovário (quisto ovariano) quando visitam o médico após uma forte dor abdominal ou quando estão grávidas. A maior parte conviveu durante anos com o cisto sem saber.

Cisto no ovário durante a gravidez é um problema com solução

As mulheres que costumam sofrer de cistos, normalmente têm medo de engravidar. Normalmente essas mulheres têm períodos menstruais dolorosos e a ideia de engravidar pode assustá-las imenso. Isso se deve a uma grande desinformação sobre este problema, pois na maioria dos casos esses temores são infundados. Muitíssimas mulheres têm cisto no ovário durante a primeira fase da gravidez.  Tal como acontece com a maioria dos cistos, normalmente estes não são um problema para se preocupar. Certamente que dedse que você engravida o seu médico especialista irá dedicar especial atenção ao cisto. Também realizará testes para se certificar qual o tipo de cisto.

Se for detetado um cisto no ovário durante a gravidez, existem diversas opções de tratamento para tornar a paciente mais confortável. O recurso a cirurgia para remover o cisto não é normalmente recomendado, existindo outras maneiras de lidar com o problema. Medicação para combater a dor também não se aconselha. Está demonstrado que o recurso a técnicas holísticas, como a acupuntura, homeopatia, fitoterapia, etc, bem como um cuidadoso acompanhamento médico pode manter o bebê e sua mãe livres de perigo (ver artigo sobre acupuntura e cura natural do cisto no ovário)

Quando se deve preocupar

Apesar de raros, existem casos em que um cisto no ovário durante a gravidez é motivo de preocupação. Se os testes médicos detetaram um cisto (quisto, em português europeu) maligno, isso pode representar um enorme risco. Se o cisto for bastante grande, pode causar um aborto. Um cisto maligno durante este tempo significa que você terá que ser acompanhada de perto por um médico especialista. Qualquer tipo de cirurgia pode ser arriscado para a mãe e para o bebê. Este tipo de situação delicada é o pior cenário possível para uma grávida. Um médico bem treinado nesta área e familiarizados com a família será o melhor juiz do tratamento. A prioridade será manter o cisto longe da rotura. Tratar um cisto maligno durante este tempo pode ser vital para salvar a vida da mãe e do bebê.

Com atenção médica cuidada e planejamento, uma mulher que tem lidado com múltiplos cistos em sua vida ainda pode ter uma gravidez normal.

Vídeos relacionados

Nascimento do bebê (cesariana) seguido da cirurgia de cisto no ovário

http://hyp.la/BCBHCCL

“Gestação de risco, onde Amanda teve um cisto de ovário que rompeu, refez, fez uma aspiração com agulha com 27 semanas de gestação, e o …”

Depoiamento de Cláudia: Cirurgia para retirada de cisto ovariano em grávida de 6 meses

http://hyp.la/BCEAHBP

“Claudia conta-nos sobre a cirurgia a que foi submetida quando estava grávida de 6 meses do segundo filho e …”

Pin It
←More from blog

↑ Back to Top